#CURTAMARISOL

Mini iogues

Respirar fundo. Acalmar a mente. Energizar o corpo.

Não são apenas os adultos que precisam de um tempo de vez em quando para controlar o estresse do dia-a-dia. Em tempos de agenda cheia para a criançada e muitos estímulos eletrônicos, a ioga pode ser uma grande aliada. Originária da Índia, a prática, que é um filosofia de vida, lança mão de técnicas respiratórias, corporais e meditativas para promover autoconhecimento. Com os mini iogues não é diferente.

– Nos dias de hoje,  em que as crianças vivem com intensidade o fluxo inesgotável de informações e novas tecnologias, muitas vezes fonte de ansiedade e estresse, a prática da ioga propicia uma oportunidade de, por alguns importantes momentos, reconectá-las a sua essência. Essa conexão oportuniza um prolongamento da infância em seu real significado – algo tão precioso e especial. As mudanças fisiológicas, hormonais e comportamentais são esperadas – mas devem ocorrer no tempo exato, para que a criança tenha tempo para desenvolver suporte emocional para esses processos  – explica Juliana Eichenberg, instrutora de ioga para crianças.

Juliana Eichenberg Yoga 01.45 PM

Autorizada pela tradição Satyananda, Juliana diz que, além de estimular a concentração, o equilíbrio, a memória e até melhorar o desempenho escolar, algumas posturas de ioga diminuem sintomas de prisão de ventre e fortalecem a musculatura.

– É importante sempre respeitar a condição e possibilidade física da criança naquele exato momento, tornando essa descoberta um rico e divertido processo de autoconhecimento. As posturas de equilíbrio, por exemplo, fortalecem a concentração e a segurança em relação a si. O relaxamento, por sua vez, traz calma e autocontrole, implementando serenidade à rotina e escolhas. São muitos os frutos que o pequenino praticante poderá colher – acrescenta, lembrando da importância da supervisão de um instrutor habilitado durante a prática.

Juliana Eichenberg Yoga 01.01 PM

Com posturas que remetem à natureza e aos animais, a ioga vira sinônimo até de brincadeira, numa vivência que a criança leva pra vida toda.

– A ioga não fica restrita ao período de aula. O praticante transmite para a sua rotina também os princípios éticos e filosóficos desta ciência, adotados integralmente pelo professor durante a prática guiada. Essa consciência amplia e melhora o convívio social – complementa a instrutora.

E como o mundo da imaginação, da fantasia, das fábulas é quase sinônimo de infância, aproveitar a hora da ioga para contar histórias relacionadas à origem da filosofia deixa tudo ainda mais encantador:

– Os alunos adoram a alegria e a vibração dos mantras e amam saudar os amigos dizendo Namastê.

Juliana Eichenberg Yoga 02.31 PM

Veja algumas posturas divertidas pra você salvar e se inspirar:

cartela yoga

Ilustrações: Carla Pilla



Posts Relacionados


Imaginar, criar e se divertir no Alto Verão de Marisol

Partiu diversão! Os dias mais quentes do ano chegam com muita brincadeiras com a turma. Veja o nosso Mini Manifesto.

Veja mais

Castelo de areia na praia

Brincar à beira mar é quase sinônimo de construir castelo de areia.

Veja mais

Monte um no kit de diversão nessas férias

Não deu tempo bom pra brincar na rua? Não tem problema. Mostramos aqui uma caixa cheia de passatempos - novos e antigos - para brincar muito em casa nessas férias.

Veja mais


x

Dados da Mãe

Dados da Criança