#CURTAMARISOL

Hora de acampar!

Criança e aventura são quase sinônimos, não é? Então, nessas férias de verão que tal propor um acampamento com a garotada? Uma noite perto da natureza, com uma turma de amigos, o céu estrelado como vista e muitas histórias ao redor da fogueira promete ser inesquecível. Veja aqui o que não pode faltar na mala do aventureiro Marisol:

acampamento

1) Para dormir: acampamento com barraca é uma diversão. Leve colchão, roupa de cama e isolante térmico. Um edredom também ajuda se a temperatura cair à noite. Tem gente que prefere um saco de dormir.

2) Para cozinhar: trempe, aquele arco de ferro com fogareiro, é uma mão na roda para cozinhar ao ar livre, mas se a ideia for comer em restaurantes, fique mesmo só com o kit de lanches, prefira frutas com cascas que duram mais e não esquece de levar garrafa térmica, geleira, jarras elétricas, canecas, talheres, pratos, álcool e isqueiro. Além de pano de prato e guardanapos, mesa e banquinhos.

3) Para se distrair: alô, alô, cantores e músicos da turma. Nada melhor do que um acampamento para um amigo sacar o violão, a gaita ou a percussão e soltar a voz. A cantoria em conjunto garante muita diversão e parceria. Baralho, bolas e jogos de tabuleiro também são uma recreação e tanto. Nesse quesito, entra o celular, mas não para ficar vidrado nos joguinhos e sim para fotografar e filmar toda a bagunça. Ah: mas lembre de levar o carregador de bateria.

4) Para se precaver: sol em excesso, mosquitos e imprevistos em geral fazem parte de uma aventura como essa, então não esqueça o protetor solar, o repelente, o guarda-sol, lanternas, canivete suíço, pilhas extras, bico de luz, extensão, carregadores de bateria, lonas, cordas e cadeados e um kit completo de higiene para a garotada, com papel higiênico, lenço umedecido, escovas e creme dental, entre outros.

5) Para manter tudo limpo: panos de chão, sacos de lixo, esponja, detergente, enfim, nada de deixar rastro. Acampar é uma ótima oportunidade de convocar as crianças para se responsabilizar pela manutenção do espaço de convivência.

Foto: Fil Giuratti



Posts Relacionados


Seis programas imperdíveis em Buenos Aires

Na Terra da Mafalda: a jornalista Milena Fischer mostra o que a capital portenha tem de melhor pra roteiros com crianças.

Veja mais

Volta ao mundo com Mouk e sua bike

De carona com Mouk: os viajantes mais fofos do planeta mostram um mundo cheio de riquezas culturais para a criançada. Embarque nessa!

Veja mais

Doze dicas para curtir a Serra Gaúcha

Dossiê Serra Gaúcha: os hotéis, restaurantes e programas imperdíveis para quem vai encarar as férias em Gramado e Canela.

Veja mais


x

Dados da Mãe

Dados da Criança