#CURTAMARISOL

5 brincadeiras fáceis pra fazer já

_massacuca

Não precisa esperar o fim de semana. Nem o piquenique agendado nas redes sociais. Nem a grande viagem de férias. Brincar pode ser agora, já. Foi assim, com esse astral, que a designer Graziella Iacocca, mãe de Antonio, 3 anos, e a editora de vídeos Renata Maria, mãe de Gael, 2 anos e oito meses, e de Otto, que pode nascer a qualquer momento, decidiram criar o Massacuca. Há seis meses no ar, o site reúne sugestões de atividades lúdicas para se divertir com as crianças e aprender juntos. E o melhor: tudo de maneira simples, com o que se tem em casa, acrescentando apenas entrega e afeto. Na Semana Mundial do Brincar, o site de Marisol conversou com a dupla e mostra aqui 5 brincadeiras realmente simples e fáceis de repetir em casa. Já.

1 – Areia Sensorial:

1_areia_massacuca

Com uma medida de óleo para oito medidas de farinha de trigo, é possível criar dentro de casa, para aqueles dias de chuva, uma tipo de areia tão deliciosa que merece o apelido fofo que tem mundo afora: “cloud dough”, ou massinha de nuvem, usando uma livre tradução do inglês. Graziella e Renata recomendam óleo de bebê na mistura, assegurando assim que não haverá riscos de agressão à pele das crianças, além de deixar um cheiro gostoso no ar. O bacana da brincadeira é sentir as texturas e estimular a coordenação motora com o acréscimo de alguns brinquedos de pracinha na bacia. Perfeito pra passar horas brincando.

2 – Cestas de tesouro:

4_cesta_massacuca

Para quem não conhece, é um clássico do método Montessori e faz um enorme sucesso entre os bebês. Nada mais é do que uma cesta cheia de objetos para a criança explorar livremente, estimulando os sentidos, a coordenação motora e a imaginação. Uma ideia simples e muito eficiente, capaz de entreter a criança por um longo período. Aproveite um ataque de arrumação e separe escovas e pincéis de diferentes tipos, cores e tamanhos. Procure misturar diferentes materiais como madeira, metal, tecido e plástico. Assim a criança experimentará diversas texturas e temperaturas. Misture também objetos com diferentes pesos, como uma pena e uma colher de pau. Tente incluir algo com aroma, como um sachê de ervas ou um saquinho de chá. Para estimular a audição, inclua um sino ou um chocalho. Escolha uma cesta ou caixa resistente que também possa ser explorada como parte da brincadeira. Procure propor a atividade quando o bebê estiver descansado. Excesso de estímulo não combina com sono ou fome. A caça ao tesouro também funciona muito bem para a exploração de cores. Veja a proposta aqui.

3 – Tinta Caseira:

5_tinta_caseira

Tem coisa mais gostosa do que fazer com as próprias mãos? Dá uma satisfação enorme! Essa é daquelas brincadeiras que podem ser preparadas com a participação das crianças. Inicialmente, as crianças podem olhar desconfiadas para os ingredientes. Será mesmo que vão virar tinta? Mas basta começar a misturar 1 copo de sal, 1 copo de farinha de trigo e 1 copo de água numa vasilha até ficar bem homogêneo e depois separar em potinhos para, com gostas de corante alimentício, ter tinta caseira pra brincar. Dá pra pintar com pincel, palito de sorvete, os dedos e até com a mão inteira. Uma delícia.

4 – Massinha caseira:PicMonkey Collage2

Transforme sua casa numa pequena fábrica de massinha de modelar e não terá tempo ruim na brincadeira. Mesmo que a diversão dos menores seja apenas fazer minhocas desengonçadas, brincar com massinha é uma atividade muito completa: é um ótimo exercício para fortalecer a musculatura dos dedos, estimula a imaginação e ajuda na concentração. Cortadores de biscoito deixam a função ainda mais divertida. Com ingredientes fáceis de encontrar na despensa mais corantes de alimentos, dá pra fazer a mistura em casa. E, caso a massa fique seca durante o preparo, basta acrescentar um pouquinho mais de água. Se ficar muito mole e grudenta, adicione mais farinha. O legal é que dá para guardar em potes ou sacos plásticos bem fechados por semanas. Mas atenção: a massinha não é comestível.

5 – Quebra-cabeças:

9_tampas_massacuca

Que tal montar um jogo em cinco minutos usando apenas tampas? Vale tampa de garrafa de água, do pote de requeijão que acabou, da garrafa de leite, do potinho plástico que quebrou, do vidro de cogumelos. A única regra é variar os tamanhos. Coloque todas as tampas separadas sobre uma folha de papel grande, desenhe os contornos e pronto. O desafio é encaixar cada tampa em seu contorno. Quando perceber que a atividade ficou fácil demais, desenhe novamente as mesmas tampas em uma ordem diferente. Faça variações da brincadeira usando outros objetos. E atenção para não criar desafios muito complicados que possam deixar a criança frustrada e sem interesse. O objetivo de qualquer atividade é divertir e entreter.

Fotos: David Barkan/Divulgação 

 



Posts Relacionados


Imaginar, criar e se divertir no Alto Verão de Marisol

Partiu diversão! Os dias mais quentes do ano chegam com muita brincadeiras com a turma. Veja o nosso Mini Manifesto.

Veja mais

Os 10 mandamentos do piquenique perfeito

Tudo que você precisa saber para promover o piquenique perfeito.

Veja mais

5 dicas para plantar uma árvore

Convocar a criançada para plantar uma árvore pode ser uma brincadeira muito divertida, além de um estímulo à consciência ecológica. Veja nossas dicas.

Veja mais


x

Dados da Mãe

Dados da Criança